Partidos Comunistas Latino-Americanos prestam solidariedade a Lula

comunistaEncontro realizado nos dias 8 e 9, em Lima, Peru, reuniu 11 partidos comunistas – Partido Comunista do Brasil, Partido Comunista da Argentina, Partido Comunista da Bolívia, Partido Comunista Brasileiro, Partido Comunista do Chile, Partido Comunista do Equador, Partido Comunista do México, Partido Comunista Peruano, Partido Comunista do Peru (Pátria Roja), Partido Comunista da Venezuela e Partido Comunista do Uruguai.

Segundo José Reinaldo Carvalho, que representou o PCdoB na reunião, o encontro “debateu as experiências dos governos progressistas da América Latina, debate no qual houve uma positiva troca de opiniões.” O seminário, além do texto sobre Lula, também aprovou moções de solidariedade com o governo e o povo da Venezuela, com Cuba, contra o bloqueio e emitiu uma declaração saudando a cúpula dos povos que se realiza em Lima, paralela à cúpula das Américas.

“A reunião reafirmou a identidade Comunista dos partidos, o empenho na luta anti-imperialista e o compromisso com a conquista do socialismo”, informa José Reinaldo. Leia abaixo, a íntegra da moção em defesa de Lula.

Os partidos reunidos no Encontro de Partidos Comunistas Latino-Americanos expressam sua solidariedade internacionalista ao companheiro Luiz Inácio Lula da Silva e manifestam seu repúdio a sua prisão arbitrária, resultado de um processo viciado, manipulado e pleno de ilegalidades.

Este processo que se encontra sob a pressão de forças antidemocráticas e reacionárias, representa não só a tentativa de retirar Lula da disputa eleitoral, onde ele é francamente favorito, representa um atentado contra as liberdades democráticas e as forças progressistas.

Denunciamos a ofensiva conservadora da extrema direita e do fascismo, que vem realizando atos de violência contra os protestos populares nas ruas, contra a caravana de Lula no Sul do país e que busca gerar um clima de terror e ódio no Brasil.

Chamamos todas as forças progressistas e anti-imperialistas da América Latina a derrotar as manobras políticas e anticonstitucionais que levaram à prisão de Lula.

Pelo exposto, acordamos:

1 – Expressar nossa solidariedade ao companheiro Lula.

2 – Fazer chegar nossa solidariedade internacionalista ao Partido dos Trabalhadores e demais forças progressistas e de esquerda.

3 – Exigimos a liberdade do companheiro Lula.

Lima, 9 de abril de 2018

Fonte:

Partido Comunista do Brasil (PCdoB)

Artículos Relacionados